You are currently viewing Entenda o que é e como fazer um teste de usabilidade

Entenda o que é e como fazer um teste de usabilidade

Para que você garanta a melhor experiência do seu usuário com um produto, é fundamental saber como fazer um teste de usabilidade, principalmente se o seu produto for tecnológico.

Isso porque esse teste ajuda a identificar erros e melhorias do seu produto finalizado antes dele ser lançado, além de auxiliar na verificação da qualidade e consistência da sua produção.

E o melhor de tudo é que o teste de usabilidade considera a opinião de quem realmente irá usar o seu lançamento, colaborando para o trabalho das equipes de produção e design.

Mas afinal de contas, como fazer um teste de usabilidade?

Essa e outras respostas nós damos a você ao longo deste artigo. Vem com a gente!

O que é teste de usabilidade?

O teste de usabilidade é uma forma de compreender como um produto irá funcionar e se comportar no cotidiano de quem o usa antes de ele ser lançado para venda no mercado.

Ou seja, você aplica o teste de usabilidade ao seu produto para provar a sua solidez e consistência de uso, para se certificar de que não há nenhuma falha nos processos.

Justamente por isso, ao aprender como fazer um teste de usabilidade, é fundamental ter em mente que ele sempre deve ser executado com pessoas reais, com perfil exato ou o mais próximo possível de seus clientes ou personagens do projeto.

Afinal, é dessa forma que você consegue acertar em cheio na melhor experiência para o seu público-alvo e ainda consegue ter insights valiosos e verdadeiros sobre o desenvolvimento do seu produto.

Para que serve o teste de usabilidade na prática?

Na prática, o teste de usabilidade serve para avaliar pontos fundamentais do seu produto, principalmente se ele é um lançamento.

Então, conforme você aprende como fazer um teste de usabilidade, percebe que é por meio dele que é possível identificar falhas ou gargalos no funcionamento do seu produto, seja ele algo físico, como um celular, ou virtual, como um site ou aplicativo.

Deste modo, também é correto afirmar que o teste de usabilidade funciona como  um indicativo de como a sua Persona  irá se comportar enquanto usa o seu produto.

Vamos imaginar, por exemplo, que você está lançando um aplicativo da sua empresa.

Se no desenvolvimento do aplicativo você colocou dois botões que realizam a mesma ação e no teste de usabilidade a maioria das pessoas optou por clicar apenas no botão esquerdo,  então talvez seja uma boa opção remover o botão direito.

Ainda neste exemplo do botão, vamos supor que os usuários que participaram do teste apresentaram uma dificuldade em seguir adiante em uma ação dentro do aplicativo. 

Talvez isso indique que o seu botão para uma ação precise estar em um tamanho maior ou em uma cor que chame mais a atenção.

Modelos de teste de usabilidade: quais os mais comuns?

Os modelos mais comuns de teste de usabilidade são o de descobertas de problemas, o de benchmark, de aprendizado e eye-track.

Abaixo, explicamos mais sobre cada um deles! Confira. 

Descoberta de problemas

No teste de usabilidade de descoberta de problemas o usuário precisa apontar falhas que encontrou no funcionamento do produto.

Testes de benchmark

O teste de benchmark serve para comparar duas versões de um produto, analisando a experiência interface das duas versões para buscar chances de evolução no desenvolvimento de uma nova versão.

Teste de aprendizado

O teste de aprendizado analisa o nível de facilidade de aprender a lidar com a interface de um produto.

Ou seja, ele ajuda a entender o nível de aprendizado do seu sistema com base na maneira que as pessoas que o usam compreendem ele. 

Lembrando que o foco é sempre criar interfaces e sistemas que sejam fáceis e intuitivas de serem usadas para garantir uma melhor experiência do cliente.

Eye-tracking

O Eye-tracking é um teste de rastreamento ocular que usa como base os movimentos oculares dos participantes por meio de um dispositivo que é instalado no computador.

Desse modo, ele consegue avaliar quais lugares de uma tela o usuário dedica mais a sua atenção.

Quando aplicar um teste de usabilidade: confira o melhor momento

O melhor momento para aplicar um teste de usabilidade é quando seu produto já está quase pronto, com uma versão final já definida.

É nesses casos que o teste ajuda a encontrar falhas e gargalos que podem ser corrigidos antes do lançamento e disponibilização no mercado.

Mas é claro que o melhor momento para aplicar esse teste pode variar de acordo com o objetivo do seu projeto, portanto, muitas vezes quem tem a resposta dessa pergunta é o seu time de desenvolvimento.

Como fazer um teste de usabilidade: passo a passo

O passo a passo de como fazer um teste de usabilidade envolve planejamento, execução, análise, relatório e documentação.

Na sequência, ensinamos a você como colocar em prática cada passo de como fazer um teste de usabilidade.

Planejamento

O primeiro passo de como fazer um teste de usabilidade envolve o planejamento, ou seja, a definição de objetivos e as métricas que você irá monitorar com esse teste.

Então, nessa fase considere pontos como:

  • qual o foco do teste?
  • quais métricas queremos levantar?
  • esse teste será presencial ou remoto?
  • o teste de usabilidade será quantitativo ou qualitativo?

Execução

A fase de execução envolve escolher um modelo de teste de usabilidade e aplicar aos usuários para avaliar os problemas levantados e, a partir deles, buscar soluções para os problemas que foram encontrados.

Lembre-se que nessa fase você deve dar liberdade para os seus usuários detectarem e apontarem qualquer gargalo no projeto e todos esses apontamentos devem ser registrados.

Análise

Por fim, um dos últimos passos de como fazer um teste de usabilidade envolve avaliar e estudar todos os dados informações que foram coletadas através da testagem e dos retornos dados pelos usuários.

Na análise você deve procurar por padrões e tendências no comportamento dos usuários, pois são elas que irão revelar dados importantes e valiosos para o seu projeto.

Relatório e documentação

Fechando o passo a passo de como fazer um teste de usabilidade, vem a parte de relatório e documentação.

Aqui você irá manter um registro geral de todas as informações do processo de testagem e dos dados que você levantou na fase de análise.

Adote já a melhor Intranet do Brasil em sua empresa e facilite o fluxo de trabalho de todos os seus colaboradores.

Conclusão

Com esse artigo, a nossa missão era ajudar você a entender como fazer um teste de usabilidade na prática.

Para isso, trouxemos primeiro alguns modelos de teste de usabilidade, sendo eles: 

  • descobertas de problemas;
  • teste de benchmark;
  • teste de aprendizado;
  • eye-trecking.

E para você realizar o seu teste, o passo a passo que apresentamos foi:

  • planejamento;
  • execução;
  • análise;
  • relatório e documentação.
Compartilhe!